Relatos de parto

Relato de parto - Isadora Canuso

No ano de 2015 decidimos engravidar, eu já havia assistido o filme "O Renascimento do Parto" e simpatizava com a idéia, embora não soubesse bem o que realmente era um parto humanizado.   Comecei a procurar obstetras em BH que trabalhassem nessa linha e descobri o Núcleo Bem Nascer. Liguei para todos os médicos do Núcleo e nenhum deles estava atendendo novos pacientes. A batalha começava ai, não bastava apenas ter o desejo de um parto normal, mas buscar um médico que trabalhasse nessa linha e conseguir uma consulta, era difícil também. Insisti na Dra. Avelina, o porque eu não sei, pedi para a secretária que me colocasse em uma fila... Leia mais

Letícia & Marcos

Sobre a minha experiência de liberdade em um parto natural na maternidade: No dia 13 de abril eu pari, feliz da vida. Três semanas antes já vinha sentindo dores fortes o suficiente para me acordar de madrugada, mas eram ainda os incríveis pródromos, preparando meu corpo para o grande evento. Graças às trocas de ideia com minhas amigas doulas Paula Miranda e Alice Leão (que tinha ganhado seu Bem pouco tempo antes), em conversas com outras mulheres no grupo de yoga para gestantes Garbhini KY, e no universo paralelo da Internet, eu sabia do que se tratavam aquelas dores intermitentes, e assim não saí voando pro hospital antes da hora... Leia mais

Relato de parto - Camila Esteves

Sempre quis ter um parto normal. Desde antes de casar isso sempre foi muito claro na minha cabeça. Minha mãe teve 2 partos normais e eu sempre fui "forte" pra dor. Pra mim a pergunta: "quer parto normal ou cesárea?" nunca teve nenhum cabimento ou lógica visto que vejo a cesariana como um artifício da medicina caso seja necessário e não uma "opção". Conversando com uma prima de SP ela me disse que achava (pela conversa) que eu queria um parto humanizado e não simplesmente normal. Achei aquilo meio estranho, por que na minha cabeça parto humanizado era coisa de gente muito diferente de mim. Ela me indicou que eu assistisse ao filme "... Leia mais

Relato de parto - Tereza

Com 34 semanas tivemos a notícia que nenhuma mãe, que está preparada ou se preparando para um parto natural, quer ouvir: "Ela esta sentada!" Sim, pélvica incompleta (de nádegas). Bumbum encaixando na minha bacia com as pernas para cima, (pq se elas ainda estivessem flexionadas, eu, como toda taurina, ainda tinha um pingo de esperança de ter uma flexão e rotação), mas a conversa e mensagem do meu médico pedindo para trabalhar a cesárea era bem clara. Foi um dia de frustração (confesso!), difícil idealizar algo tão natural e sair fora dos planos, (ainda mais pra mim, extremamente metódica). Laurinha chegou chegando, bagunçando e... Leia mais

Luciene & Julinei

Olá, Meu nome é Luciene e gostaria de compartilhar com vocês a experiência que eu e meu marido tivemos com o parto de nossa filha, Mariana. Somos de Sete Lagoas, cidade que fica a aproximadamente 70km de Belo Horizonte. Comecei fazendo meu pré-natal em Sete Lagoas, mas infelizmente, percebi que os médicos de lá não são adeptos do parto humanizado. A velha estrutura hospitalar e intervenções praticadas de forma rotineira na maioria dos hospitais do Brasil são feitas na única maternidade existente na cidade. Quando eu estava com aproximadamente 19/20 semanas de gestação, fomos numa Feira de Gestante no Minascentro, e ao lado da Feira... Leia mais

Meu relato de parto: Uma bela transformação

Meu relato de parto: Uma bela transformação Por Lívia Barakat Quarta-feira, 09 de março: Fui à consulta semanal com a Dr. Avelina. Já estava se aproximando a data prevista para o parto da Laura (11 de março), mas ainda não tinha sinais claros da chegada dela. Na consulta da semana anterior, meu colo do útero estava fechado. Tinha receio de passar a data do parto e a ansiedade aumentar, mas queria muito que a Laura viesse no seu momento, sem procedimentos para acelerar sua chegada. Com agradável surpresa, a Avelina me informou que eu estava com 1cm de dilatação! Mas eu sabia que isso não queria dizer que a Laura chegaria nos... Leia mais

CATARINA HENRIQUES

Sou portuguesa e em Portugal não existe este costume cultural da cesárea, por isso procurei quem me pudesse apoiar a fazer o parto normal. Foi-me sugerido um médico que apoiava o parto normal, mas como o Mateus estava previsto nascer em época de Carnaval, ele foi insinuando que se calhar não iria estar disponível para mim. Assim, e para que não fosse submetida a uma "cesárea urgente" de última hora só para não interferir com as férias do médico, decidi procurar outra solução - Encontrei o Núcleo Bem Nascer! O meu obstetra foi o Dr. Sandro, que me acompanhou em permanência e me deu apoio incondicional durante todo o processo. Tive... Leia mais

Carine

A chegada de Catarina! Passado um pouco mais de 1 mês consigo finalmente rever as fotos do momento mais sublime que uma mulher pode viver, e eu jamais poderia sequer imaginar o tão grandioso poderia ser!  Não quero fazer romance de um momento tão cotidiano - nossas avós passaram a maior parte da vida parindo e no puerpério, então pra mim faz parte do cotidiano sim-só desejo mesmo dizer como foi e que é possível ter um parto NORMAL sem traumas.  Minha bolsa estourou no domingo dia 15/11 às 22hs, fui para uma consulta na emergência sem saber o que estava acontecendo, mas pressentindo que a hora havia chegado!  No hospital o... Leia mais

Maria Clara Ruíz

O nascimento de Mercedes... No dia 23 de setembro de 2015 nasceu nossa pequena Mercedes... parto natural,  sem anestesia ou analgesia, sem episiotomia, sem laceração, sem presa... com muita calma, paciência e amor! Tudo fluiu muito naturalmente! Embora tenhamos visto muitos vídeos de parto com meu marido, eu não tinha uma ideia muito “romântica” do parto... por mim tanto fazia em um bloco cirúrgico ou em uma banheira de hidromassagem e cromoterapia rsrsrsrsrs... só queria que a minha Mercedes fosse protagonista da sua vinda ao mundo, que nascesse acordada, ativa, saudável; e que eu estivesse também bem acordada, ativa e saudável... Leia mais

Graziele Almeida Pimentel

Por dois anos eu e meu marido tentávamos ter um bebê sem sucesso. Na época ainda morávamos em Juiz de Fora e ao nos mudarmos para BH procurei um especialista em reprodução humana que, após uma série de exames, foi categórico: minhas chances eram mínimas. Segundo ele eu teria hipotireoidismo (esse era fácil de corrigir), trompa direita cefálica, porém o ovário em posição anatômica, o que reduziria pela metade a possibilidade de gravidez, além disso, uma possibilidade de endometriose, visualizada através de aderências no ultrassom. Os três fatores em conjunto eram a causa de não conseguir engravidar. Fui encaminhada então a... Leia mais

Páginas